O SASF desenvolve proteção social básica junto a famílias em situação de risco e de vulnerabilidade social, idosos e/ou pessoas com deficiência. Prevê convivência e o fortalecimento de vínculos familiares e comunitários, por meio de ações socioeducativas que visam o acesso à rede sócio assistencial, a garantia de direitos, o desenvolvimento de potencialidades, a participação e ganho de autonomia, por meio de ações de caráter preventivo, protetivo e proativo às situações de risco, exclusão e isolamento de grupos familiares.

Tudo isso é feito através da promoção do fortalecimento pessoal e do vínculo familiar como uma estratégia para a prevenção da violência doméstica contra crianças e adolescentes. Assim como o acompanhamento e monitoramento de famílias beneficiárias de programas de transferência de renda, especialmente as que não cumprem condicionalidades e famílias com beneficiários idosos e/ou deficientes. Identificamos demandas de famílias e pessoas para o acesso a benefícios e inserção na rede de proteção social, com a intenção de prevenir agravos que possam desencadear rompimento de vínculos familiares e sociais. Faz parte do nosso trabalho oferecer possibilidades de desenvolvimento de habilidades e potencialidades, estímulo à participação cidadã e construção de contextos inclusivos, promover aquisições sociais às famílias, potencializando o protagonismo e a autonomia de seus membros na comunidade, identificar, apoiar e acompanhar indivíduos e/ou famílias com pessoas com deficiência ou idosos, na perspectiva de prevenir confinamento e abrigamento institucional, sensibilizar grupos comunitários sobre direitos e necessidades de inclusão de pessoas com deficiência e pessoas idosas, buscando a desconstrução de mitos e preconceitos, fomentar projetos de inclusão produtiva e de desenvolvimento local.

Parceiros: SMADS e KNH
Coordenador: Erica Fugazza de Oliveira